outroscaminhos @ 18:46

Ter, 20/11/07

Um olhar que me cegou

Uma voz que me tentou

Uma boca que me beijou

Uma mão que se estendeu

Um coração que me apaixonou

Um sonho que se atravessou

Uma aventura que nos acompanhou

E um amor que me conquistou...

Uma vida que não é vida

Se não for vivida contigo

Essa mesma vida

Que sem ti não faria sentido

Um equilíbrio

Desiquilibrado de emoções

Uma briga qualquer

Por muitas razões

Laços de amizade que também se criam

Uma constante alegria.

Assim é

Uma paixão que nasceu

Um jardim que floresceu

Uma vida que se viveu

...e que ainda se vive.

Dedico este poema a uma pessoa  que nunca me irei esquecer e que me ajudou a crescer e a descobrir que o amor não acontece num instante, mas para o resto da vida, se for sentido e desejado.

Amo-te Pedro.

Marta Catarina - nº29



Joana Beites @ 22:34

Ter, 20/11/07

 

Ah poeta !

Muito bem...

Mas olha tem l´´a cuidado que eu n~~ao quero nada que os meus filhos estudem uma poeta como tu!
Louca j´´a tu ´´es e ,jeito para a escrever parece que tambem tens, por isso ...


:)


beijinhos *

Amadeu Martins @ 18:28

Qua, 21/11/07

 

Sim concordo com a Joana, principalmente na parte da loucura . Sim e é só para nao dizer maluquice, porque há quem não goste.

Vá Marta, ainda vais ser a próxima Florbela Espanca, mas vá não te suicides.

margarida @ 10:42

Sex, 23/11/07

 

Martinha , martinha bem sei do que falas... isso é muito bonito mas quando traem os nosso sentimentos caimos num abismo profundo, felicidade é uma palavra que deixa de existir e questões como será que vale a pena amar atravemssam-se no nosso caminho fruto de enormes tempestades... é dificil acredita mas ajuda-nos a cresçer muito e a ver-mos que afinal a vida nao é um conto de fadas e que nao podemos dar-nos aos outros quando nao se dao agente... Dei tudo e fui enganada , bem sabes, mas cresci muito e aprendi.
Quanto a ti minha amiga tive a felicidade de acompanhar a vossa relaçao desde início, desde o primeiro encontro( mt engraçado no jardim , sem duvida!!LOl) , ao pedido real de namoro, aos almoços, aos patos no jardim, á barraca Lol!!Enfim... recordações que jamais esqueçerei...

Quanto ao poema está lindo.. Aliás quando amamos tudo o que escrevemos sobre esse sentimento é belo..

Espero sinceramente que sejam mt felizes e que nunca passe por aquilo que passei, Ja agora nunca desistam do vosso amor.

PS: Sou a madrinha!!


Beijinhos grandes e amam-se muito mas com juizo:P
**

Ass: a tua mana do peito :P

Daniela Araújo @ 11:34

Sex, 23/11/07

 

Sim senhora! Que a menina marta anda muito inspirada e apaixonada
O poema está muito giro, soubeste exprimir-te, algo que às vezes não é fácil, no caso do teu poema, no amor.
Desejo muitas felicidades aos dois

Depois de concluirmos uma etapa, e porque a vida não pára, chegam novas aventuras e novas descobertas por novos caminhos....
Novembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

15
17

21
24

26
28
30


Encontre o caminho
 
blogs SAPO