outroscaminhos @ 16:57

Ter, 01/04/08

Vem sentar-te ao meu lado,

Quero saber que estás comigo.

Conta-me as tuas histórias.

 

Consegues ouvir?

É o rio a correr e a passar entre as pedras.

Aqui estou bem.

 

Fecha os olhos e vê o meu sorriso,

Lembra-te de tudo o que eu te dei sem que tivesses visto,

Assim como eu faço com tudo o que me deste e ensinaste.

 

Canta para mim mais uma vez.

A tua voz é pressentida aqui.

As folhas acompanham-te e as rãs também.

 

Ja viste?

Hoje tive coragem.

Não para dizer que és parte de mim,

mas para dizer que parte de mim está contigo.

Essa parte que nunca mais vai voltar.

 

Espreita aqui neste cantinho,

É a gaveta maior do meu amor.

Toma a chave! Abre-a!

 

Olha!! Estás a ensinar-me a andar!!

E agora estas a defender-me, porque sempre foste assim.

Aqui estás Tu, eu e o tio.

Foi o tio que me ensinou a canção do "sólidó", recordas-te?

 

Mas agora já não refilas com o tio,

Nem me convidas para ir tomar o pequeno-almoço a tua casa.

 

Posso pedir uma coisa?

Diz ao tio para não chorar.

 

Tia, esperas por mim?

Nunca me vou esquecer de Ti.

 

 

Nádia Correia nº8

 

 

 



Amadeu Martins @ 21:24

Seg, 07/04/08

 

São estas pessoas que nos fazem continuar a viver, são estas pessoas que nos permitem afirmarmos o que somos hoje. É tão bom eternizá-las na nossa memória.

Um texto muito bonito.

Bjokas

Depois de concluirmos uma etapa, e porque a vida não pára, chegam novas aventuras e novas descobertas por novos caminhos....
Abril 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12

14
16

20
24
26

27
28
29


É hora de caminhar...
Caminha-se melhor com música
Encontre o caminho
 
Caminha-se melhor com música
blogs SAPO